Aulas on-line

Professora de inglês se adapta a modalidade digital

Com apenas alguns dias para se ajustar, professora entendeu o momento e adaptou seu currículo para trabalhar em um ambiente virtual. Mas transição rápida nem sempre foi fácil

      A pandemia do novo coronavírus está nos ensinando várias coisas novas. Com a maioria das escolas do país fechadas, o aprendizado se tornou virtual. Esse é um território novo e potencialmente desafiador para muitos professores que estão acostumados com o estilo de aprendizagem tradicional em salas de aula.

 

      Luciana Rios é formada em Letras e professora de inglês do Centro de Idiomas Luciana Rios, em Goiânia. Ela reconhece que teve medo quando se deparou com o “novo normal”. “A priori, me parecia impossível a escola se sustentar. No início do isolamento muitos alunos deixaram de frequentar as aulas e preferiram, por diversas questões, dar uma pausa no inglês. Mas ao percebermos que a pandemia não passaria tão rápido, nos rendemos à ferramenta das aulas on-line e para minha surpresa o resultado dessa migração foi melhor que o esperado. Hoje, vejo as aulas on-line com grandes vantagens para o professor e para o aluno”, relata.

 

      Luciana acredita ainda que é possível ter uma excelente aula e até compartilhar em tempo real um conteúdo retirado de um site ou de um livro ou mesmo de uma revista internacional. “O fato de o aluno não precisar enfrentar um trânsito caótico em meio a hora do rush, possibilita que ele assista aula pontualmente e no conforto do seu lar, o que é muito vantajoso. Outra grande vantagem da plataforma on-line foi poder ampliar o alcance das minhas aulas atendendo hoje vários alunos em outras cidades e até mesmo do exterior”, relata.

 

      No caso das aulas on-line, a eficiência do ensino envolve não só o preparo teórico dos professores, como também a qualidade da transmissão. Ela está atrelada a fatores que vão desde os equipamentos utilizados até a escolha de uma plataforma que permita mais interação entre os alunos. Para te ajudar na construção de aulas on-line de sucesso e no relacionamento entre alunos e professores, Luciana vai dar 10 dicas simples e práticas. Confira!

 

 1. Conecte-se com seus professores o mais rápido possível.

      Mesmo que você esteja indo bem na aula, é extremamente importante construir um relacionamento com seu professor. Ao fazer isso desde o início, você rapidamente percebe quais são as prioridades do curso, quais as expectativas que o professor tem de você; e você ficará motivado para o sucesso, mais seguro do que está por vir e melhor preparado para fazer bem com o material que está por vir.

 

 2. Confirme os requisitos técnicos do curso.

      As aulas on-line podem ser muito benéficas para alunos com agendas lotadas, mas apenas se eles puderem acessar facilmente os materiais. É importante entender claramente quais são os requisitos técnicos. Portanto, antes do início do curso ou o mais rápido possível, certifique-se de verificar se seu computador funcionará com todas as ferramentas on-line e se você sabe como navegá-las. Isso garantirá que você não perca tempo durante o curso tentando descobrir a tecnologia.

 

 3. Crie um cronograma e cumpra-o.

      Instrutores on-line de qualidade criam cursos fáceis de navegar e com expectativas claras. Ter esse tipo de estrutura fácil de lidar tornará o estudo e o sucesso muito mais fáceis. Porém, mesmo que a estrutura e os requisitos de sua aula não sejam tão claros, você pode criar um cronograma e uma estrutura, o que aumentará muito suas chances de sucesso no curso. Usar ferramentas como o Google Agenda é uma ótima maneira de começar. Saber como estão suas semanas e meses e programar blocos de tempo de estudo para cada tarefa ou módulo o ajudará a cumprir um cronograma.

 

 4. Faça perguntas - sempre.

      Quando você não entender, faça perguntas. Quando você entender, faça mais perguntas. Os instrutores apreciam os alunos que participam e, se houver um componente de participação ou discussão na nota, fazer perguntas de qualidade ajuda a garantir sua nota nesta área. Mesmo que não haja um componente de participação, é sempre útil fazer perguntas para ter certeza de que você entendeu o material e está claro sobre o que é exigido de você.

 

 5. Seja organizado - e mantenha-se organizado.

      É fundamental que você esteja organizado desde o início do semestre para ter sucesso em um curso on-line. Por exemplo: marque as datas de vencimento das tarefas em seu calendário, encontre um sistema de arquivamento para material on-line e material físico que o ajude a controlar tudo facilmente e faça cronogramas de estudo claros que cobrem seções do curso separadamente para que você tenha uma tática organizada para cobrindo o material do semestre conforme você avança.

 

 6Tenha um espaço de trabalho limpo, silencioso e consistente.

      Uma coisa que os cursos on-line e presenciais têm em comum é que os alunos sempre precisam de um local para estudar ou realizar tarefas que seja limpo, silencioso e consistente. Você pode escolher onde isso é para você - seja em um café, uma biblioteca escolar, um escritório dedicado ou em casa. Onde quer que você escolha estudar e completar as tarefas, você deve torná-lo um local consistente que não tenha distrações externas. É absolutamente fundamental que o local seja silencioso e permita que você se concentre no trabalho sem distrações.

 

 7. Não procrastine.

      Alunos à distância bem-sucedidos raramente procrastinam. Eles não adiam tarefas ou esperam até o último momento para escrever seus trabalhos. Os alunos on-line bem-sucedidos desfrutam de liberdades que incluem trabalhar em seu próprio ritmo e a capacidade de concluir seu trabalho no tempo que for necessário. Por outro lado, eles sabem que é melhor concluir suas tarefas no início e no prazo - estudar simplesmente não funciona e não ajuda a reter informações a longo prazo. Comece cedo para ter sucesso.

 

 8. Trabalhe em sua compreensão de leitura.

      Alunos à distância bem-sucedidos tendem a ter boas habilidades de compreensão de leitura. A maioria dos estudantes tradicionais, ouvem palestras e fazem anotações, e alguns cursos on-line também exigem isso. No entanto, espera-se que a maioria dos alunos à distância domine o material por meio de uma quantidade considerável de leitura. Essa habilidade por si só pode fazer uma enorme diferença no seu sucesso.

 

 9.Estabeleça e respeite as rotinas que funcionam para você.

      Se, por exemplo, você trabalha melhor de manhã ou em intervalos curtos, defina rotinas de estudo que lhe permitam estudar antes do almoço, quando seu cérebro estiver fresco. Se, por outro lado, você se sai melhor estudando à noite ou nos finais de semana, quando pode dedicar horas noturnas ou períodos mais longos aos estudos, faça questão de fazê-lo. Considere como e quando você trabalha melhor e implemente um plano de estudo que respeite as rotinas que funcionam para você.

 

 10. Conecte-se com seus colegas.

      O estabelecimento de fortes conexões com colegas e professores é um aspecto importante do sucesso educacional, bem como do avanço da aprendizagem. Uma das experiências mais gratificantes na educação é aprender por meio da colaboração. Formar relacionamentos significativos com seus colegas e professores pode permitir que você aprenda mais, permaneça motivado e tenha uma saída para expressar sua própria compreensão do assunto. 

 

Mais informações para imprensa:

No Sebrae: Adriana Lima – (62) 3250-2236 / 2252 / 99456-2491

Na Ideorama Comunicação em Goiânia: Luiz Carlos Sarlo (62) 9 9909-8818